domingo, 29 de setembro de 2013

Dicas de Profissionais no cuidado com os cabelos

 
Lavagem: além de usar o xampu ideal, o processo de limpar os fios necessita de um conjunto de fatores. Deve-se observar da temperatura da água aos movimentos para massagear os cabelos. O que faz toda a diferença no resultado final.
 
Corte: especializados em visagismo, a arte de criar um visual personalizado com base no temperamento e no estilo de vida da pessoa.
 
Escova: o processo de secagem e de modelagem dos fios devem ser feitos com produtos termoativados, que hidratam e protegem os cabelos do efeito nocivo do ar quente
 
Hidratação:Deve ser realizada com produtos de qualidade.
Conheça as opções de hidratação:
  • Plástica capilar: imprescindível para quem acabou de passar por processos químicos de mudança de cor.
    O profissional aplica um conjunto de ampolas e máscaras que renovam o brilho, regeneram as estruturas danificadas e devolvem o movimento aos fios.
     
  • Ampola pós-coloração: para garantir a fixação da cor, os cabelos precisam de nutrientes para se manter fortes e saudáveis. A aplicação é rápida e tem ótimos resultados.
     
  • Cauterização: o processo inicia-se com a utilização de um xampu para retirar todos os resíduos do couro cabeludo e dos fios. Em seguida os cabelos são separados por mechas e recebem a aplicação da queratina. Essa substância, rica em nutrientes, é capaz de devolver a elasticidade e a maciez aos fios. Para que o produto penetre profundamente, uma prancha especial (tipo chapinha) é usada para abrir as cutículas e assim regenerar e condicionar os cabelos por inteiro. O ideal é fazer ao menos quatro aplicações, repetidas a cada 20 dias. O tratamento é indicado depois de processos como colorações, recondicionamento capilar, alisamentos ou desgastes naturais do verão, os cabelos precisam de uma hidratação intensiva.
 
Hidratação phothon: tratamento conhecido pela grande capacidade de reconstruir os cabelos agredidos pelo sol, pelo cloro, pela coloração ou pelos recondicionamentos químicos. Depois de passar um creme nutritivo em toda a extensão dos fios, para que a fixação seja duradoura, um feixe de laser é aplicado mecha por mecha. A luz abre as cutículas dos fios, e os agentes hidratantes renovam sua força e vitalidade. Para um efeito duradouro e completo, devem ser feitas ao menos quatro aplicações, repetidas entre 15 e 30 dias.
 
   
Coloração: a escolha do tom e das nuances necessita de precisão. A técnica de colorir os fios exige conhecimento, para que, ao fim das somas das pequenas porções de tintas, o saldo seja positivo e agrade aos clientes.
Entre as opções de produtos disponíveis estão às colorações permanentes, com ou sem amônia. Usada para alterar a melanina dos fios, tirando a cor atual dos cabelos, esse tipo de coloração é perfeita para cobrir os fios brancos mais persistentes.
Outra opção são os tonalizantes. Procurados por quem está em busca de mudanças sutis, eles colorem as madeixas de modo mais superficial, pois os pigmentos não contém amônia e saem após algumas lavagens.
 
Reflexo, mechas, luzes ou balaiagem: essas técnicas podem ser adequadas de acordo com o estilo e o tipo de fio de cada pessoa.
Veja abaixo a diferença entre os métodos de coloração:
  • Reflexo: usado para clarear a maior parte dos fios, a cobertura pode chegar até 90%. A espessura das mechas vai depender da quantidade de cabelos de cada pessoa.
     
  • Luzes: é parecida com o reflexo, mas a principal diferença é o tamanho e a quantidade de fios que recebem a coloração. Em geral, as mechas são mais finas, discretas e menores.
    Entre as variações de luzes, estão as mechas californianas, em que as pontas dos cabelos são clareadas para obter um efeito ‘’queimado de sol”.
    E há também as mechas ombré, em que a cor original dos fios é preservada na base e na raiz e os tons mais claros descem em um degradê sutil. É possível também fazê-la de forma invertida, com as raízes mais claras e as pontas escuras.
     
  • Mechas: o colorista aplica os produtos em apenas algumas mechas. Para um efeito mais moderno, usa-se diferentes tons de coloração, normalmente em busca de um contraste com a cor predominante dos cabelos
 
Recondicionamento capilar ou defrisagem: usa produtos que ajudam a domar cachos vigorosos e transformá-los em lisos. A escova progressiva deu lugar a esse tipo de procedimento, muito mais seguro e com resultados naturais. O tratamento ajuda a controlar o volume e o frizz, garantindo assim muito mais balanço e brilho aos cabelos.
 
Permanente: técnica usada para tirar a monotonia dos cabelos lisos. Quem se cansou dos fios escorridos, pode ganhar volume e ondulações. A técnica famosa nos anos 1980 voltou aos salões de maneira moderna e muito mais inovadora. Agora, é possível moldar os cachos nos mais diversos tamanhos, com curvas muito mais naturais. Pessoas com coloração nos cabelos não podem fazer o permanente

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui, é sempre um prazer conversar com você!